Saúde e Massagem
Você sabe o que é tireóide e para que ela serve?

Muita gente acredita que a obesidade está diretamente ligada a ela. Mas, em 95% dos casos, isso não é verdade.

A tireóide regula o funcionamento de praticamente todo o corpo. E quando ela não funciona muito bem, aparecem algumas complicações de saúde.
Essa glândula está situada na base do pescoço e produz hormônios que funcionam como um combustível para o corpo humano. São conhecidos por T3 e T4. Quando o corpo produz pouca quantidade de hormônios, acontece o hipotiroidismo, que resulta em retenção de líquidos, alteração de memória e depressão.
Quando os hormônios são produzidos em excesso, o problema é chamado de hipertiroidismo e tudo no corpo fica acelerado. Neste caso, a pessoa perde peso, sente-se cansada, tem ansiedade, taquicardia, insônia...
Em alguns casos em que há um crescimento rápido da lesão com a presença de gânglios, a pessoa fica com voz rouca. Mas, isso é raro.
De um modo geral, apenas 5% dos nódulos palpáveis são nódulos neoplásicos, ou seja, cancerígenos. Tumores na tireóide estão entre os tipos de câncer que mais crescem. São 10 mil novos casos por ano, segundo a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. As mulheres têm 10 vezes mais chance que os homens de desenvolver um câncer nesta região e um dos fatores é o hormônio feminino, o estrogênio. O auto-exame pode ser a única maneira de perceber o nódulo. Dr. Hans Graaf, endocrinologista, que deu dicas preciosas de como fazer o auto-exame.

Material necessário: Copo com água e um espelho
Como fazer:
1- Segure o espelho e procure no seu pescoço a região logo abaixo do "pomo-de-adão" (mais conhecido como gogó). Sua tireóide está localizada aí.
2- Incline a cabeça para trás para que o pescoço fique mais exposto e focalize essa região no espelho. 
3 - Beba um gole de água 
4 - Com o ato de engolir, a tireóide sobe e desce. Observe se existe algum aumento ou saliência na tireóide. Atenção: não confunda a tireóide com o "gogó". Lembre-se que a glândula está logo abaixo. Repita este teste várias vezes até ter certeza. 
5 - Ao notar qualquer alteração, consulte o seu endocrinologista.

Dica: Nunca esqueça que o auto-exame não substitui os exames periódicos que você deve fazer com o seu endocrinologista. 

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800-7712373 ou pelo site www.cancerdetireoide.com.br - Dr. Hans Graaf Fone; (11) 9645 2282/ (41) 335 7237

Voltar ...

  enviar a um amigo imprimir